Sign In

Chesf registra lucro de R$ 3,5 bilhões

Relação com Investidores Publicado em 29/03/2020

O ano de 2019 ficará registrado para a Companhia Hidro Elétrica do São Francisco (Chesf) como de resultados positivos, tendo alcançado lucro de R$ 3,5 bilhões, 1.083% superior ao obtido em 2018. Suas demonstrações financeiras apresentaram números que traduzem as conquistas de uma empresa mais madura e em pleno processo de transformação.

Entre fatores que contribuíram para o lucro, destacam-se o reconhecimento de ativos e passivos diferidos, alinhado à tendência que a empresa tem apresentado de lucros sustentáveis nos períodos vindouros, e as Receitas Anuais de Geração (RAG), notadamente em GAG melhoria.

Em 2019, a Chesf realizou investimentos que se aproximaram ao montante de R$ 1 bilhão. Valores destinados à expansão do sistema elétrico brasileiro, com ampliação da geração, aprimoramento e crescimento das malhas de transmissão, além de investimentos nas Sociedades de Propósito Específico (SPE) que detém participação acionária.

O aumento da Receita Operacional Líquida (ROL) em conjunto à redução dos custos operacionais promoveram, em relação a 2018, crescimento de 105% da capacidade de geração operacional de caixa, expressa pelo EBITDA. O montante em 2019 totalizou R$ 1.477 milhões.

A margem EBITDA (métrica que apresenta a real capacidade da empresa em geração de caixa) cresceu 14 pontos percentuais, tendo resultado de 29% em 2019 contra 15% obtida em 2018.

No âmbito do Plano Diretor de Negócios e Gestão (PDNG), a Companhia finalizou a venda e a transferência de participações acionárias em algumas Sociedades de Propósito Específico (SPE), concluindo a quitação de dívidas com a Eletrobras. Esse fato, proporcionou a Chesf um dos menores índices de endividamento em sua série histórica, reduziu despesas financeiras e equilibrou seus indicadores, otimizando a possibilidade para obtenção de novas captações de recursos. Dentro dessa temática, o custo médio da dívida passou de 8,62% a.a. (dez/18) para 7,93% a.a. (dez/19). 

“O ano de 2019 foi excelente em todas as áreas da Companhia. O objetivo da Empresa é se tornar cada vez mais moderna e competitiva nesse mercado, que exige mudanças, inovação e rápidas adaptações”, disse o presidente da Chesf, Fabio Alves.


>